Filmes e música têm mais espaço na TV

A televisão tem coisas bem interessantes e é curioso verificar como as próprias tendências acabam sempre modificando toda a ordem das coisas.

Por exemplo, a Band começou a reagir no Ibope com a ampliação de horários destinados a exibição de filmes.

Antonio Zimmerle, diretor de programação, passou a se envolver mais neste trabalho e os resultados são bem animadores, principalmente nas exibições dos domingos.

E isso quando todo mundo imaginava que, com os canais da TV paga antes e o streaming mais recentemente, a TV aberta iria gradativamente diminuir ainda mais os seus espaços. Mas não.

A mesma coisa com a música. A apresentação de cantores ou conjuntos musicais em programas foi diminuída de forma bem drástica nesses últimos tempos, até que chega a moda das lives.

Todas as TVs, apressadamente, passaram a se adaptar a eles, inclusive com cuidado de até preparar tabelas comerciais para suas possíveis vendas. Vivendo e aprendendo. O bom senso nos ensina nunca ter diagnóstico definitivo para nada..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *